terça-feira, 2 de março de 2010

O ser humano é mau

Uma vez eu li a frase de alguém famoso dizendo que o ser humano é bom, a sociedade é que o torna mau. Eu acredito firmemente no contrário. O ser humano é mau, a sociedade é que o controla. Isso pode ser visto agora, no Chile, como foi visto um mês atrás no Haiti. enquanto milhares sofrem com a tragédia de um terremoto, outros se aproveitam para saquear, violentar e matar. Há uns anos em um acidente de trem no Rio de Janeiro, várias pessoas aproveitaram o incidente para roubar os passageiros acidentados! Ao invés de ajudar os feridos, roubam suas carteiras.

Sim, existe mobilização da comunidade internacional para as tragédias no Chile e no Haiti. Pessoas do mundo todo enviam ajuda, dinheiro, mantimento para os desabrigados mas eu ainda acho que isso não apaga o fato de que, a primeira reação, justamente de quem foi afetado, é a de roubar, aproveitar a confusão para fazer o mal. E não acho que seja o desespero pela tragédia, pela fome, pois se vê que nem só comida é roubada, casas também são saqueadas. Em blecautes prolongados o mesmo acontece embora não haja necessidade de desespero.

O que eu digo é que o homem tem uma maldade grande dentro de si, antes de ajudar está disposto a vencer, matar, roubar seus semelhantes (ou adversários). Se fôssemos bons, não precisaríamos de leis dizendo que é errado cometer esses e outros crimes, somos controlados em nossa maldade pelas leis e pelos códigos de conduta da sociedade.

Outro exemplo que eu lembro é o vídeo abaixo que mostra 0 episódio ocorrido antes de um jogo de basquete nos EUA. Uma menina de 13 anos, foi convidada a cantar o hino americano mas, nervosa, começa a se enrolar com a letra. O público ameaça uma vaia e então Mo Cheeks, o técnico do Portland Trail Brazers, se junta a ela para cantar o hino incentivando o público a fazer o mesmo também. O público o acompanha, a menina se recupera e consegue terminar o hino. É emocionante, ressalta a iniciativa do técnico. Então o vídeo mostra exatamente o contrário do que eu digo? Não, porque a primeira reação foi novamente ruim, agressiva, e enquanto um ajudou, uns 20 mil estavam dispostos. Em outro caso a menina não teve a mesma sorte e foi vaiada mesmo, seu vídeo foi parar no Failblog e ela virou motivo de ridículo para o mundo todo, terminando sua "apresentação" com um tombo no gelo antes de um jogo de hockey.

video

Isso pelo menos mostra que existem pessoas com reais boas intenções e que uma delas muitas vezes pode mudar as atitudes de muitas outras, é o que a presença de um líder faz. Infelizmente muitas vezes esse líder está mais disposto a apontar alguém a ser linchado, o que será feito prontamente pela turba com sorriso nos lábios.

PS: Primeira vez que posto vídeo por aqui, está funcionando pra vocês?

10 comentários:

Van disse...

Olha eu faço a minha parte. Eu me julgo uma pessoa boa. Mas sempre tem a maçã podre, né?!
Bjos

Magui disse...

A tese é de Jean Jacques Rousseau e se resume em que : O homem nasce bom a sociedade é que o perverte. Eu concordo com vc e a minha tese é que ele escreveu seu livro em uma época em que não se conhecia o DNA, a hereditariedade.Ainda há quem analise que ele escreveu sua tese em contraponto a Hobbes que disse : O homem é lobo do homem .
Vc precisa ler os dois.Vai gostar.É matéria de Filosofia Pura.

ABB disse...

Esta semana eu afirmei que a questão de ser mal ou ser bom são questões bem analisada pela filosofia e por segmentos da teologia.

Há pessoas educadas, com diplomas universitário, ricas, bem cuidadas e que tem tudo que o dinheiro pode proporcionar, e são pessoas que matam, destroem.

Há pessoas sem educação formal, analfabetas, pobres, sem ter recebido cuidados especiais que também o são...

E o contrário dos citados acima. Entender porque somos maus, e porque se dispõe a praticar certo tipo de mau, é um mistério.

nina_zaretchnaia disse...

Concordo com vc, estava pensando exatamente sobre isto nesta semana.
No Chile depois de saquearem o supermercado atearam fogo, então não é necessidade, é pura maldade. Acho que é uma forma que o homem tem de justificar que ele não é mau.
Mas é.

Danfern disse...

O vídeo tá funcionando sim! E realmente a situação é tocante...belíssima a iniciativa do rapaz de apoiar a jovem.

Excelente texto esse seu.

Como vc bem disse,

"Isso pelo menos mostra que existem pessoas com reais boas intenções e que uma delas muitas vezes pode mudar as atitudes de muitas outras, é o que a presença de um líder faz."

Gandhi foi um dos bons exemplos disso que vc escreveu...

Muito bem apontado o outro lado tb:

"Infelizmente muitas vezes esse líder está mais disposto a apontar alguém a ser linchado, o que será feito prontamente pela turba com sorriso nos lábios."

Hitler seria exemplo disso, não?

Quanto a essa questão se o ser humano é por essência 'bom' ou 'mau' eu não sei em quê acreditar...

Acho que é mais complicado que isso - ninguém é só bom ou só mau...

Pessoas na maior parte do tempo boas podem ter atitudes condenáveis...e Pessoas na maior parte do tempo ruins também podem ter algumas atitudes boas...

Ah, também vou fazer recomendação filosófica de leitura - acho q vc ia curtir o Schoppenhauer, ele é tido como o filósofo pessimista, mas acho que vai bem além disso - e ele tem umas teses bem interessantes sobre os motivos que regem as condutas humanas...

AQJ disse...

Bom texto. Acho meio complicada tal situação. Este maniqueismo talvez não seja a melhor forma para encontrar uma resposta. O ser humano é tão complexo... Garanto que um gesto de humanidade muitas vezes não está vinculado à regras, e sim à espontaneidade. Há pessoas boas, ruins, que foram corrompidas pelo meio que vivem ou não. Não há como estipular um motivo para todo o mal do mundo e dizer que todas as pessoas sejam más por causa disso. O buraco, com certeza, é muito mais embaixo. Porém, isto é assunto para outras rodas...

Nana disse...

O ser humano precisa de Deus pra ser melhor. Bjs e fik com Deus.

Silvia Mantovani disse...

Carissimo,


Tem muita gente boa sim, até mais que as más! Só que atos de bondade não dão tanto ibope quanto as maldades.
Vamos nos ater ao Haiti,ao Chile quantos exemplos de atos bons, heróicos temos, muitos e muitos, mas o que vende é a imagem do "ruim", infelizmente. Sei que vc vai dizer que as maldades vendem mais por que as pessoas gostam de ver coisas más, portanto são más, Porém, talvez gostem de ver coisas ruins para na comparação com suas própria vidas se sentirem melhor.

Será que minha divagação lhe convence? ahhhhh....

Bjsss e boa semana!

Murdock disse...

Na verdade não convence, Silvia. Vejo sempre que a maldade exerce muito mais atração do que a bondade e eu citei só alguns exemplos no caso do Haiti e Chile. Se procurar mais dá pra achar muitos outros exemplos de como as pessoas preferiram ser más do que boas.

Anônimo disse...

É isso, o ser humano é realmente mau. Hoje fui vítima do egoísmo e provavelmente da preguiça. É isso, não precisamos pensar em coisas grandes como o Haiti ou Chile, ou pensar em pessoas cono Hitler, Stalin, Pol Pot ou Bush/s. Se pensarmos nas pessoas que roubam vagas em estacionamentos, que ñ devolvem trocos e 2 ou 200 reais, que ñ respeitam filas ou idosos, que ñ respeitam ou ñ aceitam por pura arrogância os gays, os negros, os pobres... Alguém me diga, que merda de mundo é esse. Alguns Deus realmente teria criado uma criatua perversa, egoísta, falsa, desonestas etc, etc, etc?
Pessoas que riem de obesos, de pessoas mentalmente doentes, financeiramente carentes, fisicamente feias. Que merda de mundo é esse onde milhares de animais são torturados todos os dias apenas para satisfazer a perversidade ou luxúria humana?
Uma certeza que abtive sozinha foi que, é mais simples ser alienado mas, não sou assim e digo a vocês, este mundo, ou melhor, as pessoas que movimentam este mundo, elas estão matando.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails