terça-feira, 30 de outubro de 2007

De manhã

Então levantou de manhã, vinte minutos depois do celular tocar. Ficou com essa mania porque não tinha obrigação de chegar às 7 no trabalho, fazia por opção, para acumular horas de folga e sair mais cedo se quisesse. Com horário de verão era ótimo para dar uma pedalada no final da tarde. Olhou para a foto dela sorrindo e se levantou para tomar café. Levantar todo dia pelo lado esquerdo da cama não deve fazer muito bem mesmo mas a outra opção seria pular direto pela janela.

Dia bonito, de Sol, antigamente ele dava uma corrida antes de ir para a faculdade mas agora nem o tempo nem o joelho podre permitem isso. Quem sabe um dia ele pelo menos conseguiria voltar a correr a tarde? Não tinha mais saco para ir a ortopedistas ouvir a quinta opinião sobre o mesmo problema.

Nos vinte minutos até o trabalho pensou em coisas suficientes por três horas. Tem horas que pensar cansa.

Chegou em casa depois de pegar um pouco de trânsito, aproveitou o Sol para pedalar, ficou com preguiça de ir à academia, foi dormir mais tarde. Olhou pra foto dela antes de pegar no sono.

7 comentários:

Anna Flávia disse...

Lembrou a música 'cotidiano' do chico.

Beijo pra ti.

Vanessa disse...

Concordo com a Anninha...

Gostei desse jeito de escrever, viu?!
bjos

Murdock disse...

Pior que nem conheço essa música...

Viu como os gênios pensam parecido? hahahahha!!

a calma alma má disse...

Ela devia estar lá.. não na foto.
bjo

Murdock disse...

Diz isso pra ela...

a calma alma má disse...

Diz você...
Beijos

Murdock disse...

Ah, já falei muito...

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails